VISITAS!

CURTA O MUNDO REAL 21 NO FACEBOOK

MUNDO REAL 21 - ÚLTIMAS NOTÍCIAS

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!
NO ARMAZÉM PARAÍBA DE TIANGUÁ!

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET
REDENET TIANGUÁ - (88)3671-1144/9-9739-8777/9-9428-2616

sábado, 12 de março de 2016

AMITYVILLE: CONHEÇA A HISTÓRIA REAL DA CASA MAIS MAL ASSOMBRADA DA HISTÓRIA

Vamos começar o texto te contando a sinopse de um filme. Horror em Amityville é um filme de horror lançado em 1979 que conta a história de um crime ocorrido em Nova York. Uma família inteira havia sido assassinada e, poucos dias depois, um jovem assumiu a autoria do crime em que matou seus pais e três irmãos.

Ele disse que foi motivado por vozes que vinham de dentro da casa e que o influenciaram a cometer os crimes. Um ano depois, um casal se muda para a mesma casa e começam a presenciar estranhos eventos, que indicam a presença de algo maligno na residência.

O mais assustador, é que esse roteiro é tão fiel à história real que aconteceu em Amityville que até os nomes dos personagens foram preservados de acordo com os acontecimentos reais. O filme conta uma história de assassinato e medo vivida em dois momentos por pessoas diferentes.
A família DeFeo eram os proprietários da casa n° 112 da Ocean Avenue em Amityville, Nova York, em 1974. Em novembro desse ano, o primogênito da família, Ronald “Butch” Jr., pegou a arma de seu pai e matou toda sua família. Atirou nos pais e em seguida matou os 3 irmãos a sangue frio. Pegou o carro, saiu, se desfez das roupas ensanguentadas e foi para a concessionária de seu avô, onde trabalhava.

Butch trabalhou normalmente o dia inteiro e, no final do dia, voltou para casa. Depois de passar em casa, chegou correndo em um bar local gritando que sua família inteira havia sido assassinada. O garçom chamou a polícia, que encontrou os cinco corpos de bruços nas camas, sem sinais de luta.
No dia seguinte, a polícia encontrou a arma do crime e uma caixa de munição no quarto de Butch, que foi levado para interrogatório. Ele até tentou culpar um amigo pelos assassinatos, mas por fim confessou que havia matado a família obedecendo às ordens das vozes misteriosas que ouvia dentro de casa.

Seus advogados tentaram aliviá-lo da pena mais severa, alegando que Butch tinha problemas mentais, mas foi em vão. O julgamento foi longo e Butch foi sentenciado a prisão perpétua e permanece no Departament of Corrections em Nova York até hoje.
Em dezembro de 1975, um ano após o crime, a família Lutz se mudou para a casa dos DeFeo. Alguns dias depois da mudança começaram a presenciar exsudação pelas paredes, ruídos estranhos, odores inexplicáveis, vozes e moscas em quantidade absurda. A família abandonou a casa e todos os seus pertences menos de um mês depois da mudança.

A história chamou a tenção da TV de Nova York, e a casa foi visitada por investigadores de efeitos paranormais. O Sr. Lutz disse em entrevista que recorrentemente acordara no meio da madrugada ouvindo barulhos de tiro e gritos, e a Sra. Lutz disse que a casa era o lugar mais terrível em que ela já havia entrado. Os investigadores conseguiram a famosa foto do “Garoto fantasma de Amityville” nessa ocasião.
Algum tempo depois, o escritor Jay Anson escreveu o livro que deu origem ao filme. “The Amityville Horror: A True Story” foi escrito em parceria com os Lutz, que se mudaram de cidade para escapar da publicidade e dos amigos da família DeFeo, enfurecidos pela repercussão da história.

Em 1979, o filme Horror em Amityville foi lançado. Na vida real, os Lutz são considerados mentirosos, já que outros proprietários da casa nunca relataram fatos paranormais de qualquer forma. A atriz Margot Kidder, que foi a estrela do filme, afirmou que ficou tensa durante as filmagens e não gostou do resultado final. Ironicamente, ela foi indicada como melhor atriz para o prêmio Saturn Award.

Horror em Amityville – 1979

Já tinha ouvido falar da história ou assistiu ao filme? Tem uma adaptação mais recente, de 2005, com Ryan Reynolds e Melissa George. Se você preferir, é a mesma história, apenas com linguagem mais atualizada. Vale a pena conferir, se você não for dos que ficam com medo de filmes de horror que narram histórias reais.

Bônus:
Entrevista com o Sr. Lutz para a TV de Nova York


AUTOR(ES): Movie Pilot/History Vs. Hollywood
IMAGENS: Movie Pilot

Nenhum comentário:

Postar um comentário

IMPORTANTE

Todos os comentários postados neste Blog passam por moderação. Por este critério, os comentários podem ser liberados, bloqueados ou excluídos. O MUNDO REAL 21 descartará automaticamente os textos recebidos que contenham ataques pessoais, difamação, calúnia, ameaça, discriminação e demais crimes previstos em lei. GUGU

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

ME SIGA NO TWITTER!