VISITAS!

CURTA O MUNDO REAL 21 NO FACEBOOK

MUNDO REAL 21 - ÚLTIMAS NOTÍCIAS

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!
NO ARMAZÉM PARAÍBA DE TIANGUÁ!

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET
REDENET TIANGUÁ - (88)3671-1144/9-9739-8777/9-9428-2616

quarta-feira, 17 de maio de 2017

7 INVENTORES QUE FORAM MORTOS POR SUAS PRÓPRIAS INVENÇÕES

Todo mundo já teve ao menos um dia terrível no trabalho. Aqueles dias em que tudo dá errado e cada tarefa parece ficar mais difícil enquanto o dia vai passando e acumulando frustrações. Geralmente, é quase impossível transformar esses dias em um dia bom e a gente acaba arrastando o drama até a hora de ir dormir, na esperança que as coisas sejam melhores no dia seguinte.

Quando você é inventor, no entanto, você está mexendo com inovações da ciência que mexem com coisas que podem fazer um dia ruim ser muito pior do que o da maioria das pessoas. Uma nova invenção pode tomar um rumo completamente inesperado e, ao invés de provocar uma revolução positiva, causa uma verdadeira tragédia.

Seja por conta de uma tragédia ou não, esses inventores viveram dias terríveis de trabalho que acabaram se tornando os últimos de sua vida, já que suas próprias invenções provocaram eventos fatais.

1 – William Nelson
Em outubro de 1903, aos 24 anos, William Nelson era engenheiro da General Electric e ia demonstrar uma de suas invenções pela primeira vez. Se tratava de um motor instalado em uma bicicleta comum que deveria permitir viagens no meio de transporte com mais facilidade. Apesar da esperança de Nelson, ele acabou ganhando muita velocidade na descida de um morro, caiu da bicicleta e sofreu ferimentos fatais.

2 – Thomas Midgley Jr.
Thomas Midgley Jr. foi um químico que resolveu vários problemas importantes que apareciam nos primeiros carros desenvolvidos pela General Motors. Ele desenvolveu a ideia de colocar aditivos na gasolina e é um dos responsáveis pelo motor do seu carro não ter ruídos insuportáveis a todo momento. Nós últimos momentos de sua vida, ele sofria com poliomelite e ele desenvolveu um aparato tecnológico que o ajudava a sair da cama. Infelizmente, ele acabou estrangulado por parte do mecanismo num dia em que tentava se levantar e acabou morto ali mesmo.

3 – Perilo de Atenas
Perilo de Atenas era um artesão da Grécia Antiga que foi responsável por um dos piores métodos de tortura já criados. Conhecida como Touro de Bronze ou Touro Siciliano, a invenção contava com uma porta forjada numa peça sólida de bronze com a forma de um touro para que a vítima fosse colocada dentro dela. O touro então era colocado no fogo até que o metal se aquecesse tanto e a vítima praticamente cozinhasse até a morte. Além disso, a estrutura de bronze era feita de forma que os gritos do torturado tinham o volume amplificado, para soar como o animal.

Depois que Perilo apresentou sua ideia para Faláris, teria sido jogado dentro do touro apresentado para que o homem visse como a construção funcionava. Naturalmente, Perilo acabou morrendo ali dentro, demonstrando como realmente funcionava a sua invenção.

4 – Fred Duesenberg
A reputação dos alemães na ramo da engenharia de veículos começou com os irmãos Duesenberg, Fred e August. Eles construíram seu primeiro carro em 1904 e abriram a Duesenberg Motors em 1913. Na década de 20, os veículos já eram sucesso entre competidores da Indy 500 e nos anos 30 já eram vistos como carros de luxo extremamente populares.

Quando dirigia um de seus próprios carros em alta velocidade numa estrada, Fred Duesenberg acabou capotando o veículo e sofreu um dano na coluna vertebral. Apesar de ser possível uma recuperação para sua lesão, ele acabou sofrendo com complicações do acidente e morreu de pneumonia.

5 – Michael Dacre
Em 2004, o inventor Michael Dacre apresentou seu conceito de um jato de oito lugares que ele acreditava que iria revolucionar as viagens de avião. Criado para precisar de pouco espaço para pouso e decolagem, os veículos deveriam tomar conta do espaço aéreo como no mundo dos Jetsons. Para isso, era importante o desenvolvimento de muita segurança e, cinco anos depois, o voo do primeiro protótipo aconteceu. 

Com Dacre a bordo, o protótipo teve dificuldades para decolar, perdeu o controle e caiu de uma forma trágica no chão depois de atingir quase 200m de altura.

6 – Henry Winstanley
Henry Winstanley criou uma estrutura que já salvou inúmeras vidas: o farol marítimo. Colocado em pontos no meio do mar longe da terra, o primeiro deles foi colocado em funcionamento em 1698 e usava 50 velas que o próprio Winstanley acendia. 

Apesar da invenção parecer inofensiva, Henry Winstanley acabou morrendo ali por ter escolhido a noite da Grande Tempestade de 1703 para fazer reparos na construção. Infelizmente, o farol acabou desabando e matando o inventor, que estava dentro dele.

7 – Sabin Arnold von Sochocky
O homem por trás das tintas que brilham no escuro é Sabin Arnold von Sochocky. Ele imaginava que sua invenção poderia pintar casas inteiras e criar ambientes impressionantes durante as noites. No entanto, a maior parte de seus trabalhadores começou a morrer quando sofreram com efeitos fatais da radiação liberada pelo produto. O próprio inventor também foi vítima de seus produtos, morrendo em 1928.

Apesar das tragédias e de processos dos trabalhadores sobreviventes, a indústria de von Sochocky continuou a desenvolver mais produtos que tinham as mesmas propriedades radioativas até o fim da Segunda Guerra Mundial. Na época, as pessoas começaram a entender melhor os efeitos da radioatividade e atividades de descontaminação foram feitas nas fábricas do inventor em 1983. O local só ficou completamente limpo em 2016.

Infelizmente, cada um desses inventores não viveu para ver o sucesso de suas ideias ou tentar aperfeiçoá-las. Qual das mortes você achou mais trágica e inesperada? E qual invenção mais gostaria de ter visto como um sucesso? Conte nos comentários!

AUTOR: Grunge
IMAGENS: Rajnikan, LolWot, Rod Authority, Afternoon Special, EMGN, Grunge

Nenhum comentário:

Postar um comentário

IMPORTANTE

Todos os comentários postados neste Blog passam por moderação. Por este critério, os comentários podem ser liberados, bloqueados ou excluídos. O MUNDO REAL 21 descartará automaticamente os textos recebidos que contenham ataques pessoais, difamação, calúnia, ameaça, discriminação e demais crimes previstos em lei. GUGU

VEJA TAMBÉM Plugin for WordPress, Blogger...

ME SIGA NO TWITTER!