VISITAS!

CURTA O MUNDO REAL 21 NO FACEBOOK

MUNDO REAL 21 - ÚLTIMAS NOTÍCIAS

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!
NO ARMAZÉM PARAÍBA DE TIANGUÁ!

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET
REDENET TIANGUÁ - (88)3671-1144/9-9739-8777/9-9428-2616

quarta-feira, 7 de junho de 2017

ESSE É O PLANETA MAIS QUENTE JÁ ENCONTRADO NO UNIVERSO

Há anos pesquisadores e cientistas têm tentado descobrir um planeta parecido com a Terra. De lá para cá diversas coisas foram descobertas, entre elas um exoplaneta gigante – um planeta que orbita uma estrela que não seja o Sol. Até então esse é o planeta mais quente já encontrado.

A descoberta foi divulgada nesta segunda-feira, 5, pela revista “Nature”. Estima-se que o corpo celeste possui uma temperatura de 4.327 ºC, quase 10 vezes maior do que em Vênus, o planeta mais quente do sistema solar. Ele foi encontrado com a ajuda do telescópio KELT, que consegue identificar exoplanetas ao redor de estrelas muito maiores, brilhantes e violentas que o nosso Sol.
Segundo os responsáveis pelo telescópio, KELT-9b é duas vezes maior do que Júpiter e está 30 vezes mais perto de sua estrela, KELT-9, do que a Terra está do Sol, e isso faz com que o exoplaneta seja o mais quente encontrado até hoje.

“Seria justo dizer que este planeta é mais quente que pelo menos 80 por cento de todas as estrelas conhecidas. A estrela em si é muito mais luminosa e mais quente do que o nosso Sol. E isso faz com que este seja o planeta mais quente que encontramos até agora por uma margem bastante longa, por mais de mil graus”, disse o astrônomo da Universidade do Sul da Queensland, Jonti Horner.

O exoplaneta está a 650 anos-luz, e isso significa que lá, um ano terrestre dura um dia e meio, o tempo necessário para dar uma volta em torno da estrela. A estrela onde o exoplaneta orbita possui uma temperatura estimada em 9.896 ºC. Ou seja, o calor da KELT-9 é irradiado para o planeta ao redor. Esse nível de radiação estrelar está fazendo com que a atmosfera se mova. E o fato de esse planeta ainda existir deixou muitos pesquisadores surpresos.

“Quando se tem uma estrela muito maciça e brilhante, a força de sua radiação é tão intensa que pode realmente destruir o material ao redor dele. Não há apenas muito gás e pó para formar esses [planetas]”, disse o astrônomo da Universidade Swinburne, Alan Duffy.

De acordo com pesquisadores, a temperatura do KELT-9b é mais elevada do que a da maioria das estrelas, e a previsão é que logo ele exploda, isso porque acredita-se que o planeta esteja perdendo 10 milhões de quilos por segundo.

Planetas mais quentes
Milhares de exoplanetas já foram conhecidos, porém, somente seis foram encontrados na órbita de estrelas com temperaturas de 7.026,85 ºC até 9.726,85 ºC, até então nenhum foi encontrado com temperatura superior a 9.726,85 ºC.

O que você achou dessa descoberta? Deixe o seu comentário abaixo.

AUTOR (ES): Science alert, G1, El país
IMAGENS: nasa, Gaea, Delawa republic

Nenhum comentário:

Postar um comentário

IMPORTANTE

Todos os comentários postados neste Blog passam por moderação. Por este critério, os comentários podem ser liberados, bloqueados ou excluídos. O MUNDO REAL 21 descartará automaticamente os textos recebidos que contenham ataques pessoais, difamação, calúnia, ameaça, discriminação e demais crimes previstos em lei. GUGU

VEJA TAMBÉM Plugin for WordPress, Blogger...

ME SIGA NO TWITTER!