VISITAS!

CURTA O MUNDO REAL 21 NO FACEBOOK

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!
NO ARMAZÉM PARAÍBA DE TIANGUÁ!

MUNDO REAL 21 - ÚLTIMAS NOTÍCIAS

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET
REDENET TIANGUÁ - (88)3671-1144/9-9739-8777/9-9428-2616

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

MAIS ATORES QUE JÁ MORRERAM E VOCÊ NÃO SE LEMBRAVA

Todos ficamos sabendo das mortes de atores famosos como Bruce Lee, Paul Newman ou Marlon Brando ou ainda Heath Ledger devido a repercussão massiva nos meios de comunicação. 

No entanto, há outros muitos atores que não atingiram em nosso país a repercussão necessária para serem populares, ou bem eram atores coadjuvantes.

O certo é que muitas vezes nos perguntamos: o que aconteceu com aquele ator? Por que nunca mais vi um filme com ele? Aqui você recorda esses rostos nem tão populares que para grande parte do público não têm nome. 


Se você é um cinéfilo, esta lista não lhe fará falta, mas se não, é seguro que se surprenderá. Não estão todos os que são, mas são todos os que estão... nesta lista compilada pelo MDig no final de 2008 e copiada por metade da blogosfera.

John Ritter (1948-2003)
John Ritter sempre será recordado como o pai meio bobão de "O Pestinha" e "O pestinha 2". Atuou em várias séries e filmes e também fez muito sucesso no teatro, se convertendo em uma estrela da Broadway. 

Ele é recordado por seu bom humor e afabilidade. Em 2002 estreou o seriado "Eight Simple Rules for Dating My Teenage Daughter", que se converteu em um inesperado sucesso nos EUA. 

Enquanto gravava um capítulo da segunda temporada sofreu uma dissecção na artéria aorta e morreu no hospital. A rede ABC decidiu continuar com a série, e fez um capítulo especial no qual seu personagem morre, que atingiu uma audiência de mais de 20 milhões de espectadores, um dos programas mais vistos dos últimos 30 anos.

Bruno Kirby (1949-2006)
Bruno Kirby sempre foi um ator coadjuvante, um escudeiro do protagonista, mas que atingiu um grande respeito entre o público entendido e cinéfilo. 

Seus personagens costumavam ser quase sempre simpáticos que criavam uma empatia com o espectador, e participou de grandes filmes do cinema, como "O Poderoso Chefão II", "Bom dia Vietnã", etc. Ademais, acompanhou Billy Cristal em seus dois grandes sucessos da comédia, "Harry e Sally - Feitos um para o Outro" e "Cowboys da cidade". 

Sem dúvida um coadjuvante de luxo que morreu devido a uma leucemia que acabara de ser diagnosticada.

J.T. Walsh (1943-1998)
J.T. Walsh converteu-se no tipo depreciável favorito da América graças a seus papéis, nos quais costumava encarnar vilões malvados e imorais. 

Converteu-se em um dos homens-maus do cinema de Hollywood, ainda que essa imagem de malvado nada tivesse que ver com sua verdadeira personalidade. 

Era um ator muito querido quando aos 54 anos de idade, um fulminante ataque cardíaco acabou com sua vida em seu momento de maior glória internacional.

Michael Jeter (1952-2003)
Michael Jeter era outro dos rostos populares do cinema há alguns anos, além de ser um ator muito querido e respeitado por toda a comunidade. 

Tornou-se especialmente popular com seu papel em "À espera de um milagre", interpretando o preso francês condenado a morte. 

Gay assumido, teve problemas com álcool e drogas, mas sempre manteve uma visão aberta sobre os mesmos. Foi diagnosticado com AIDS em 1997 e morreu de complicações em 2003 com 50 anos.

Alexander Godunov (1949-1995)
Godunov era primeiro bailarino do mítico balé Bolshoi, quando desertou da URSS e foi viver nos EUA em plena guerra fria, o que causou uma crise diplomática entre as duas potências. 

Rapidamente converteu-se em ator, atingindo a fama em pouco tempo, graças a seu físico e seu carisma, e a papéis como os que realizou em "Um dia a casa cai" ou "Duro de matar". 

Seus graves problemas com o álcool desencadearam em uma trágica morte por causa da hepatite quando tinha 45 anos de idade.

Roy Scheider (1932-2008)
Roy Scheider foi um ator com uma carreira cheia de altos e baixos, mas indubitavelmente marcada de sucessos como "O trovão azul", "Maratona da morte", "Operação França" e sobretudo pela saga de "Tubarão". 

Além do famoso seriado "Seaquest", e vários musicais e obras de teatro da Broadway. Durante os últimos anos de sua vida combateu um mieloma múltiplo que finalmente causou sua morte. Sem dúvida um dos rostos mais populares desta lista.

Jonathan Brandis (1976-2003)
Jonathan Brandis converteu-se nos anos 90 na estrela do público infantil. Passeou seu rosto angelical por múltiplas séries de televisão e filmes destinados a esse público. 

Converteu-se em um dos produtos mais explorados, sobretudo depois da trágica morte de River "o eleito" Phoenix. Com o final do século XX e coincidindo com a cancelamento da série "Seaquest", sua carreira caiu no ostracismo, o que lhe causou problemas de depressão e de drogas. 

Depois de um pequeno papel em "A Guerra de Hart", Brandis acreditava que poderia voltar a fazer sucesso, mas após suas cenas serem eliminadas, enforcou-se com tão somente 27 anos. Brad Renfro seguiria seus passos alguns anos depois.

Bernie Mac (1957-2008)
Comediante profissional e ator ocasional. Bernie Mac converteu-se nos últimos anos em um dos rostos mais conhecidos da comédia norte-americana, tendo protagonizado vários filmes. 

Em 2005 sofreu sarcoidose, o que causou graves danos a seus pulmões o que resultou numa pneumonia que terminou com sua vida quando se encontrava no seu melhor momento profissional.

Ulrich Mühe (1953-2007)
Ulrich Mühe ficou mundialmente conhecido com seu papel no genial filme alemão "A vida dos outros". O ator tinha grandes problemas estomacais, com suas consequentes operações. 

Pouco tempo após o sucesso do filme (ganhador do Oscar de melhor idioma não inglês), anunciou que sofria de um câncer de estômago que lhe obrigava a adiar múltiplos projetos (entre os quais seu salto a Hollywood). 

Morreria no dia seguinte. Sem dúvida poderia ter se tornado um dos atores importantes do momento.

Richard Crenna (1926-2003)
É evidente que Richard Crenna não morreu jovem, mas muitos de vocês não sabiam que ele já havia "batido as botas". 

Ator dos anos dourados de Hollywood e com uma grande carreira, atingiria a imortalidade não obstante com a saga de "Rambo", encarnando o coronel Trautman. 

Nos últimos anos de vida vinha parodiando a si mesmo em comédias "Top Gang - Ases muito loucos".

Chris Penn (1965-2006)
Chris Penn, o irmão mais novo de Sean Penn, sempre foi um ator e cineasta um tanto fora dos padrões, participando sobretudo em projetos de cinema independente. 

Participou em filmes como "A lei da rua", "Footlose", etc. Seus melhores papéis foram em "Amor a queima-roupa" e "Reservoir Dogs", de Quentin Tarantino. 

Em sua juventude teve grandes problemas com as drogas, e com o passar dos anos foi ganhando peso de uma forma desproporcional. Morreu aos 40 anos por um problema de coração, devido aos excessos da juventude, seu peso e sua excessiva carga de trabalho.

Matthew Garber (1956-1977)
Matthew Garber será reconhecido por todos como o menino de dois grandes clássicos da Disney, "O Feiticeiro da Floresta Encantada", e sobretudo, "Mary Poppins", compartilhando o papel principal em ambos com sua colega loira Karen Dotrice. 

Apesar de ter contrato com a Disney, dedicou alguns anos de sua vida a viajar com sua família e a aventurar-se no teatro. Comeu carne podre na Índia, o que posteriormente lhe causaria uma pancreatite hemorrágica que acabaria com sua vida aos 21 anos de idade. 

Alguns disseram que Garber teria tido problemas com as drogas, mas isto foi desmentido por sua família. Hoje teria 58 anos.

Chris Farley (1964-1997)
Chris Farley foi uma das grandes estrelas da história do "Saturday Night Live". Tão gordo quanto carismático e simpático, Farley tinha sobre si a sombra do genial John Belushi, com quem todos o comparavam. 

Nos anos 90, a prática habitual do SNL de fazer filmes com personagens e atores do programa, transformou Chris em uma estrela internacional da comédia. 

No entanto, em meados dos 90 sua saúde agravou-se seriamente, não por seu peso, senão por seus excessos com as drogas e o álcool. Finalmente, e exatamente como aconteceu com Belushi quinze anos antes, uma "carreira" (cocaína ou heroína) abreviou sua existência aos 32 anos.

Lane Smith (1936-2005)
Lane Smith foi um popular ator estadunidense, colega de Dustin Hoffman e de Al Pacino, no Actor's Studio, entre outros. 

Habitual em seriados de televisão tornou-se um rosto mundialmente conhecido com seus papéis em filmes como "Meu primo Vinny" e em seriados como "Lois & Clark: as novas aventuras de Superman". 

Em abril de 2005 foi diagnosticado com uma doença degenerativa conhecida como de "Lou Gehri", morrendo três meses depois.

Noriyuki Pat Morita (1932-2005)
Que se pode dizer de Pat Morita que não saibamos? Pois seguramente muitas coisas. 

Talvez seja o que tenha mais probabilidades desta lista de que saibam que já morreu, não obstante, poucos sabem que o genial senhor Miyagi de "Karate Kid" nos deixou em 2005.

Vincent Schiavelli (1948-2005)
Vincent Schiavelli era um dos rostos mais populares das telas americanas desde os anos 80. 

Não em vão, tinha um físico muito peculiar e pessoal. Era um cara muito querido e respeitado no mundo artístico dos EUA. Participou em filmes como "Um estranho no ninho", "Amadeus", ou "Ghost", além de muitos seriados de sucesso na televisão, em especial o seu encontro com o alienígena favorito dos garotos da década de 80, "Alf, o ET teimoso".

Mako (1933-2006)
Mako foi o ator japonês mais popular. Desde "Conan" a "Pearl Harbour", passando por muitíssimos outros filmes. 

Mako foi um rosto habitual nos filmes de Hollywood desde os anos 60 até sua morte.

Lloyd Bridges (1913-1998)
Parece claro que o cômico Lloyd Bridges é o melhor candidato desta lista para já estar morto, já que nasceu em 1913. 

O certo é que seu falecimento foi pouco divulgado há 10 anos. O cabeça da família do clã de atores Bridges, teve uma extensa carreira repleta de sucessos, mas assim como outros grandes atores, será recordado pelas travessuras feitas em filmes como "Apertem os cintos! O piloto sumiu" (considerado o filme mais engraçado de sempre) e tantos outros besteiróis onde causou o riso de milhões de pessoas pelo mundo.

Phil Hartman (1948-1998)
Alguns meses após a perda de Chris Farley, a família do Saturday Nigth Live sofria outra perda ainda mais trágica, a do cômico canadense Phil Hartman. 

Habitual coadjuvante em comédias do selo SNL, Hartman foi reconhecido sobretudo por seus papéis de dublagem nos Simpsons, onde colocava voz em vários personagens. 

Sua mulher Brynn, que sofria de problemas psicológicos, de controle da ira, de grande ciúme e de álcool e drogas por causa de uma depressão, deu vários tiros na sua cabeça, chamou à polícia, e quando os agentes recusavam a acreditar na história da mulher e tiravam da casa os dois filhos do casal, Brynn suicidou-se com um tiro na têmpora.

Peter Boyle (1935-2006)
Peter Boyle sempre foi um ator muito popular nos EUA graças a suas interpretações no cinema e televisão. 

Atuou em clássicos como "O jovem Frankenstein" ou "Taxi Driver", e foi grande ativista, junto a atores como Jane Fonda, em manifestações contra a guerra do Vietnã. 

Uma doença coronária acabou com sua vida em 2006.

Marty Feldman (1934-1982)
Marty Feldman, conhecido por seus grandes olhos saltados, tornou-se popular por seus papéis humorísticos, sobretudo o de Igor no "O Jovem Frankenstein". 

Ademais, foi roteirista humorístico na Inglaterra, escrevendo sobretudo junto ao pessoal do Monty Python, com os quais trabalhou durante um longo tempo e mantinha uma grande amizade. 

Morreu por uma intoxicação alimentícia no México em 1982 durante a filmagem de um filme.

AUTOR: MDIG.COM.BR

Um comentário:

  1. EXCELENTE POSTAGEM....PARABÉNS POR ESSA BELA HOMENAGEM AOS QUE NÃO ESTÃO MAIS ENTRE NÓS....ABRAÇÃO

    ResponderExcluir

IMPORTANTE

Todos os comentários postados neste Blog passam por moderação. Por este critério, os comentários podem ser liberados, bloqueados ou excluídos. O MUNDO REAL 21 descartará automaticamente os textos recebidos que contenham ataques pessoais, difamação, calúnia, ameaça, discriminação e demais crimes previstos em lei. GUGU

VEJA TAMBÉM Plugin for WordPress, Blogger...

ME SIGA NO TWITTER!