VISITAS!

CURTA O MUNDO REAL 21 NO FACEBOOK

MUNDO REAL 21 - ÚLTIMAS NOTÍCIAS

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!
NO ARMAZÉM PARAÍBA DE TIANGUÁ!

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET
REDENET TIANGUÁ - (88)3671-1144/9-9739-8777/9-9428-2616

domingo, 20 de setembro de 2015

10 HORRÍVEIS ATOS DE SATANISMO

Se existe algo que, desde o surgimento da religião católica, consegue mexer no amago do medo das pessoas, é o satanismo. Quando os ocultistas juram lealdade ao Capiroto, eles tornam-se capazes de qualquer coisa para "agradá-lo", e isso pode envolver coisas realmente terríveis.

Mas existem casos tão hediondos que realmente fazem jus ao medo que se sente ao ouvir falar em satanismo. Conheçam 10 desses casos horríveis que envolem atos de satanismo:

1. "Diga que ama o Capiroto" - 1984
Os anos 80 foram o auge do satanismo nos EUA. A época foi marcada pelo pânico dos pais de família, que temiam a grande influência satânica em músicas, filmes e jogos de RPG. Enquanto a maioria encarava isso como bobagem, ainda haviam aqueles mentalmente perturbados que achavam que existia um ser malignos real lá fora. Uma dessas pessoas foi Ricky Kasso, de Long Island, um rapaz que era obcecado por duas coisas na vida: drogas e ocultismos. Depois de roubar um crânio humano e outros itens de um cemitério local, Kasso foi hospitalizado, mas liberado logo depois. Ele, então, deu um passo adiante em sua loucura obsessiva, quando sequestrou um jovem chamado Gary Louwers, levou-o a uma floresta, segurou um faca em sua garganta e o obrigou a dizer que "Amava Satã", antes de arrancar seus olhos e enterrá-lo. Kasso mais tarde afirmou que Satanás, na forma de um corvo negro, lhe tinha dado a ordem para matar Lauwers.


2. Menage a trois satanico - 2011
Se você está à procura de sexo na internet, não se surpreenda se encontrar tipos bem esquisitos por lá. E se você está à procura de sexo satânico sai do meu blog provavelmente vai se meter em encrenca. Em 2011, um jovem do Arizona encontrou um casal de mulheres de Milwaukee que o convidaram para viajar para sua casa para um menage. Ao chegar lá, o rapaz manteve relações sexuais com Raven Larrabee e Rebecca Chandler, mas o que parecia um simples fetiche masculino tornou-se um pesadelo quando as mulheres o amarraram e passaram a cortá-lo com facas, causando mais de 300 feridas em seu corpo. Ele conseguiu fugir, e os policiais seguiram o rastro de sangue até o apartamento das duas jovens, que foram levadas sob custódia da policia. No apartamento, foram encontrados uma série de livros de ocultismo e satanismo, levando a crer que o rapaz não se safou apenas de uma foda traumática, mas um destino um tanto pior.

3. Góticos assassinos russos - 2008
Obviamente, o maior sacrifício que você pode dar ao tio Luci é derramar sangue por ele, e um quarteto russo de adoradores do Capiroto fizeram essa finesse com muito gosto. Liderados pelo carismático e perturbado Nikolai Ogolobyak, o grupo atraiu quatro adolescentes para uma floresta fora da cidade de Yaroslavl há cerca de 200 km de Moscou, e passou a esfaquear cada um deles, exatamente 666 vezes antes de cortar seus genitais, escalpelá-los e remover as partes mais macias dos corpos para cozinhar e comer em frente à uma fogueira. Depois que parte dos restos mortais dos adolescentes foram encontrados em um poço fora da cada de Nikolai, os quatro foram presos e condenados a até 20 anos de prisão.

4. Bestas de Satã - 1998
Por conta própria, os satanistas não são particularmente ameaçadores. É quando se juntam em bandos que a porra fica séria. O grupo de ocultistas mais temido da Europa foi o italiano "Beasts of Satan", uma tribo de amantes do Heavy Metal muito bem organizada organizada. Eles reivindicaram seu primeiro derramamento de sangue em 1998 com o duplo assassinato ritualístico de Chiara Marino e Fabio Tollis, dois adolescentes que eram, na verdade, "amigos" do grupo. Oschefes do grupo, Andrea Volpe, Nicola Sapone e Mario Maccione, enterraram os corpos na mata e gritaram "Agora vocês são zumbis!". Seis anos depois, Volpe ainda matou outras duas pessoas, e o inquérito policial levou aos dois corpos anteriores. Sapone foi sentenciado à prisão perpétua, enquanto os outros membros do grupo levam 25 anos de pena.

5. Equipe estripadora - 1981
Sabe por que tomou-se o costume de dizer às crianças para manterem-se longe de vans sem logotipo ou marca? É por causa desse grupo supimpa, que agiu entre 1981 e 1982. Formado por um quarteto de satanistas doentes, o grupo era liderado por Robin Gecht (ex-funcionário de ninguém menos que John Wayne Gacy, o Palhaço Assassino)*. A van percorria as ruas de Chicago, tendo como vítimas preferidas, prostitutas, que eram levadas para o apartamento de Gecht. Lá eram assassinadas enquanto o dono da casa recitava versículos da bíblia satânica. Em seguida, tinham seus corpos profanados e seus seios cortados, cozinhados e devorados. Felizmente, o seu reinado de terror logo foi interrompido, e todos os quatro membros receberam a pena de morte por suas ações horríveis.

6. Assassina ciumenta - 1995
Geralmente, pessoas com tendências homicidas procuram grupos com uma mentalidade semelhante para se enturmar, o que dá à esse tipo de gente força interior para por seus planos assassinos em prática. Christa Pike, uma jovem sem nenhuma perspectiva de vida, largara a escola para trabalhar no Jobs Corp do Tennessee (uma espécie de programa do governo Americano, que visa ajudar jovens de baixa renda, oferecendo competências de formação e de carreira profissional). Ela ia bem, até que ficou com ciumes de uma colega de trabalho, quando descobriu que ela tinha uma quedinha pelo seu namorado. Ela e o namorado, além de uma outra mulher, atraíram a jovem vítima, Colleen Skemmer, de 19 anos, para uma floresta, onde a espancaram e esfaquearam, esculpindo em seu peito um pentagrama. O sofrimento de Slemmer só acabou quando Pike esmagou seu crânio com uma pedra. Pike ainda manteve um fragmento do osso da caixa craniana de Slemmer como recordação do assassinato. Dentro de um dia e meio, o trio foi preso, com cópias da Bíblia Satânica encontradas no quarto do namorado de Pike. Ela foi condenada à pena de morte.

7. Sacrifício para Satanás - 1995
A batida forte e violenta do Heavy Metal tornou-se trilha sonora preferida para satanistas do mundo todo, e o assassinato de Elyse Pahler, uma adolescente residente na cidade de San Luis Obispo na Califórnia, levou uma das maiores bandas do gênero aos tribunais. Pahler foi atraída de sua casa por três jovens conhecidos, que a assassinaram. O grupo ainda manteve relações sexuais com o cavador como parte de um ritual satânico para dar a sua banda de garagem, o ódio e a "loucura" necessária para torná-los grande. Ao longo de vários meses, a banda permaneceu violando o cadáver de Pahler, até que foram descobertos em 1996, quando um dos três rapazes confessou à polícia. Os pais de Pahler tentaram processar banda Slayer, alegando que sua música fez com que o trio cometesse o assassinato, mas o juiz encerrou o caso.

8. Banho de sangue Black Metal - 1998
É interessante dizer que alguns desses ocultistas possuem um carisma magnético, usado para convencer outras pessoas em prol dos seus atos bizarros. O headbanger (a.k.a "metaleiro") finlandês Jarno Elg estrangulou e assassinou um homem de 23 anos de idade, depois de torturá-lo e devorar partes de seu corpo. A coisa surpreendente é que Elg convenceu outros três homens a ajudá-lo, tudo ao som do álbum Chronicle Cainian da banda Ancient. O caso só foi solucionado depois que uma das pernas da vítima foi encontrada em um lixão. A polícia localizou o cadáver, e as pistas os levaram até Elg e seus asseclas, que foram julgados e condenados à prisão perpétua.

9. Ordens do Capiroto - 2001
Se você visse o casal alemão Manuela Rudel e Daniel Ruda andando na calçada, provavelmente atravessaria a rua fazendo sinal da cruz. Os satanistas imponentes tinham suas bocas equipadas com caninos pontiagudos, e seus cabelos eram raspados com formato de uma cruz de cabeça para baixo. Um belo dia, Rudel teria recebido uma mensagem espiritual do Satanás em pessoa, pedindo um sacrifício de sangue ao casal. Ela então convidou a colega de trabalho Frank Hackert, para um jantar em sua casa. O casal dopou a jovem, que acabou ficando inconsciente. Eles penduraram-na de cabeça para baixo e esfaquearam Hackert 66 vezes antes de entalhar um pentagrama em seu peito. A policia encontrou o corpo e levou o casal apaixonado sob custódia, e hoje ambos estão internados em uma instituição mental segura na Alemanha.

10 The Night Stalker - 1985
Satanismo e assassinatos podem ser considerados "inseparáveis", e talvez o mais notório assassino satanista foi Richard Ramirez, o Night Stalker. Ramirez aterrorizou Los Angeles com seus crimes aparentemente aleatórios, onde as vítimas (mulheres) era estupradas e assassinadas. Ramirez às vezes, entalhava pentagramas nas vitimas. O serial killer alegou 14 vítimas em sua breve carreira de assassino, e quando foi preso, alegou à polícia que ele era um servo de Satanás enviado à Terra para realizar atrocidades para o Diabo.

AUTOR: SHOW DO MEDO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

IMPORTANTE

Todos os comentários postados neste Blog passam por moderação. Por este critério, os comentários podem ser liberados, bloqueados ou excluídos. O MUNDO REAL 21 descartará automaticamente os textos recebidos que contenham ataques pessoais, difamação, calúnia, ameaça, discriminação e demais crimes previstos em lei. GUGU

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

ME SIGA NO TWITTER!