VISITAS!

CURTA O MUNDO REAL 21 NO FACEBOOK

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!

AQUI VOCÊ ENCONTRA SEMPRE AS MELHORES OFERTAS!
NO ARMAZÉM PARAÍBA DE TIANGUÁ!

MUNDO REAL 21 - ÚLTIMAS NOTÍCIAS

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET

O SEU MELHOR PROVEDOR DE INTERNET
REDENET TIANGUÁ - (88)3671-1144/9-9739-8777/9-9428-2616

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

CIENTISTAS DESCOBREM SISTEMA SOLAR MAIS AMPLO DO UNIVERSO

Concepção artística do planeta 2MASS J2126-8140 que orbita ao redor da TYC 9486-927-/NEIL JAMES COOK/ UNIVERSIDADE DE HERTFORDSHIRE

Astrônomos anunciaram nesta quarta-feira, 27, a descoberta do sistema solar mais amplo conhecido do universo. Ele é formado por um planeta enorme que leva quase um milhão de anos para completar a órbita em torno de estrela.

Durante muito tempo, cientistas acreditavam que o planeta, chamado de 2MASS J2126-8140, era interestelar, ou seja, um planeta sem sistema solar próprio, mas agora os astrônomos descobriram que esse corpo celeste orbita em torno de uma estrela que fica a cerca de um trilhão de quilômetros de distância. Ambos se movem juntos pelo espaço e estão localizados a cerca de 104 anos-luz do nosso Sol.

"Esse é o sistema planetário mais amplo já encontrado até agora e seus dois membros já são conhecidos há oito anos", afirmou o autor do estudo Niall Deacon, da Universidade de Hertfordshire, na Inglaterra, acrescentando que ninguém havia relacionado ambos antes.

O planeta e sua estrela, conhecida como TYC 9486-927-1, estão a cerca de 6,9 mil unidades astronômicas de distância, sendo essa distância aproximadamente três vezes maior do que a do sistema solar que era considerado, até então, o mais amplo já conhecido.

Se o planeta estivesse orbitando no nosso sistema solar, por exemplo, ele estaria localizado depois de Plutão, no meio da nuvem de Oort, nos limites dessa formação. Uma volta completa em torno de sua estrela dura cerca de 900 mil anos. Em toda a sua existência, o planeta teria completado apenas 50 voltas.

"Nos surpreendemos muito ao encontrar um objeto de massa baixa [o planeta] tão longe de sua estrela-mãe", afirmou o co-autor do estudo Simon Murphy, da Universidade Nacional da Austrália.

Estima-se que o 2MASS J2126-8140 tenha uma massa de 12 a 15 vezes maior do que a de Júpiter, o maior planeta do sistema solar.

AUTOR: CN/afp/efe

Nenhum comentário:

Postar um comentário

IMPORTANTE

Todos os comentários postados neste Blog passam por moderação. Por este critério, os comentários podem ser liberados, bloqueados ou excluídos. O MUNDO REAL 21 descartará automaticamente os textos recebidos que contenham ataques pessoais, difamação, calúnia, ameaça, discriminação e demais crimes previstos em lei. GUGU

VEJA TAMBÉM Plugin for WordPress, Blogger...

ME SIGA NO TWITTER!